Simulado de Português – Questões Objetivas

A língua portuguesa ou, simplesmente, português, é a quinta língua mais falada do mundo e originada no galego-português. Para você avaliar seu conhecimento nessa língua, que é adotada em nove países, preparamos esse simulado com questões objetivas de Português.

Questão 1

Leia o texto a seguir, observando os três trechos colocados entre aspas.

Segundo José Manuel Sánchez Sanz, diretor do Centro de Estudos de Coaching de Madri (Espanha), essa “flechada” negativa funciona como “um mecanismo de sobrevivência que nos põe em alerta diante de circunstâncias que nosso cérebro tem catalogadas como perigosas ou ameaçadoras”. Embora existam situações ou objetos universais que geram repúdio, cada um de nós tem seu próprio catálogo pessoal de aversões mais ou menos conscientes: “O rechaço será nossa resposta corporal para situações desagradáveis ou inquietantes”.

Tendo em vista a interpretação do texto lido e a norma padrão, assinale a alternativa que indica, correta e respectivamente, o motivo pelo qual essas aspas foram utilizadas.

Questão 2

Assinale a alternativa que completa, correta e respectivamente, as lacunas.

I. Mesmo tendo ________________ a conta, o cliente teve a sua assinatura cancelada.
II. Até ontem à noite, as mercadorias não tinham________________.
III. Eu deveria ter ____________ o pen drive.

Questão 3

Quanto à classificação das palavras sublinhadas, numerar a 2ª coluna de acordo com a 1ª e, após, assinalar a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:

(1) Adjetivo.
(2) Advérbio.
(3) Substantivo.

() “... a decoração de apenas um dos...”
() “O desmatamento decorrente da ocupação...”
() “... dominado por uma família diferente...”

Questão 4

Numa das crônicas de Luis Fernando Verissimo, o cronista aborda um problema de comunicação por meio da língua:
Visita a Praga. Todo turista viaja acompanhado pela danação de Babel. Falar português bem alto e bem explicado não funciona, e o inglês é uma língua universal só até certo ponto. Nunca sentimos tanto a falta de uma língua comum como numa visita que fizemos a Praga, há alguns anos”.

O termo “danação de Babel” se refere:

Questão 5

Considerando-se as relações estabelecidas pelas preposições entre o termo regente e o termo regido, assinalar a alternativa em que a preposição sublinhada estabelece relação de finalidade:

Questão 6

“O povo não gosta de música clássica"

Estudante de Letras, mal chegado à faculdade, comecei a dar aulas de Português numa escola pública da periferia da cidade. Estava feliz porque gostei do trabalho de professor, nessa escola estadual frequentada sobretudo por comerciários, office boys, aprendizes de ofício, feirantes etc. Éramos quase todos da mesma idade, havia camaradagem entre nós.
Um dia convidei um grupinho dos mais chegados pra ir à minha casa ouvir música. “Música clássica", adverti. Preparei um programinha meio didático, dentro da sequência histórica, com peças mais ou menos breves que iam do canto gregoriano a Villa-Lobos. Comentava as diferenças de estilo, de sentimento, de complexidade. A sessão toda durou quase duas horas, incluindo minhas tagarelices. Gostaram muito.
Dois ou três dias depois, um deles (pobre, como os outros) apareceu na aula com um embrulho na mão. “Professor, comprei hoje isso pra mim. O senhor acha que essa música é boa?" Era um LP de Tchaikovsky, talvez com sinfonias ou aberturas, não me lembro. Disse que sim, e ele saiu todo sorridente. Imaginei a cena do dia: ele entrando numa casa de disco do centro da cidade e pedindo um “disco de música clássica". Venderam-lhe uma gravação barata, nacional.
Ao final do ano letivo despediu-se de mim (sairia da escola, concluído o primeiro grau) e me deixou na mão um bilhetinho. Não decorei as palavras, que eram poucas, mais ou menos estas: “Professor, muito obrigado por me fazer gostar de música clássica". Desmoronei um pouco, pensando em como este país poderia ser diferente. Não lhe disse, na hora, que a gente pode gostar naturalmente de qualquer música: é preciso que não obstruam nosso acesso a todos os gêneros musicais. E embora seja quase impossível que estas palavras cheguem ao meu antigo aluno, pergunto-lhe agora, com mais de quatro décadas de atraso: “Então, seu Carlos, gostou do Tchaikovsky?"

(Teotônio Ramires, inédito)

Da pressuposição de que ...... passa-se à inferência de que ......

Em relação ao texto, a frase acima expressará um pensamento coerente preenchendo-se as lacunas, na ordem dada, com os segmentos:

Questão 7

Em relação à acentuação viciosa, analisar os itens abaixo, considerando-se a exata pronúncia das palavras e sua classificação quanto ao acento tônico, evitando-se uma silabada, denominação dada ao erro de prosódia:

I - São oxítonas: “ruim”, “mister”, “Nobel”, “ureter” etc.
II - São paroxítonas: “ibero”, “rubrica”, “avaro”, “ciclope”, “misantropo” etc.
III - São proparoxítonas: “ômega”, “ágape”, “aerólito”, “ínterim”, “arquétipo” etc.

Está(ão) CORRETO(S):

Questão 8

A frase em que a palavra destacada está flexionada de acordo com a norma-padrão da língua portuguesa é:

Questão 9

Assinale a alternativa em que a concordância está correta.

Questão 10

Analise a frase: “Você acredita que nossos destinos são controlados pelas estrelas?” e as afirmativas a seguir.

I. Podemos encontrar, no período, um verbo em voz ativa e outro em voz passiva.
II. “Pelas estrelas” atua sintaticamente como complemento verbal.
III. “nossos destinos” é um sujeito do tipo paciente.

Está(ão) correta(s) apenas a(s) afirmativa(s)

Tempo de simulado:

um comentário

  1. Elianemellorodrigues25
    #QT-57 A minha resposta foi a letra D.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *