Página Inicial » Ensino Fundamental » Simulado Agente de Combate a Endemias – Questões Teóricas

Simulado Agente de Combate a Endemias – Questões Teóricas

Esses profissionais são fundamentais para prevenir e controlar doenças como dengue, chagas e malária através do reforço das capacidades de intervenção no controlo de vectores associados a infecções, executa programas de vigilância sanitária.
Veja e responda esse simulado com questões objetivas para o cargo.

Questão 1

O mosquito do gênero Lutzomyia, transmite:




Questão 2

A vigilância epidemiológica requer ações que permitam conhecer o comportamento de doenças, como o sarampo, rubéola, meningite, dentre outras, de forma a evitar surtos.
Sobre o sarampo, não é correto o que se afirma na alternativa:




Questão 3

O Agente de Combate às Endemias, em conformidade com as diretrizes do SUS e sob supervisão do gestor de cada ente federado, tem como atribuição o exercício de atividades de

1- Vigilância de doenças;
2- Prevenção e Controle de doenças;
3- Promoção da saúde;
4- Participação em ações que fortaleçam o setor saúde.

Das atividades relacionadas nos itens de 1 a 4, qual não é atribuição do Agente de Combate às Endemias?




Questão 4

A Chikungunya é uma doença causada pelo vírus CHIKV, da família Togaviridae. A respeito desta doença, assinale a alternativa CORRETA:




Questão 5

Sobre a vigilância em saúde, que tem por objetivo a observação e análise permanentes da situação de saúde da população, responda a questões.

Atribua V (verdadeiro) ou F (falso) aos itens a seguir e marque a alternativa correta. As funções da Secretaria de Vigilância em Saúde incluem, entre outras ações:

( ) coordenação de programas de prevenção e controle de doenças transmissíveis de relevância nacional;
( ) investigação de surtos de doenças;
( ) coordenação da rede nacional de laboratórios de saúde pública;
( ) gestão de sistemas de informação de mortalidade.




Questão 6

Sobre doenças emergentes, é correto afirmar que:




Questão 7

Sobre a vigilância em saúde, que tem por objetivo a observação e análise permanentes da situação de saúde da população, responda à questão.

A Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde é responsável, em âmbito nacional,

I por todas as ações de vigilância, prevenção e controle de doenças transmissíveis,
II pela vigilância de fatores de risco para o desenvolvimento de doenças crônicas não transmissíveis;
III pela saúde ambiental e do trabalhador;
IV pela análise de situação de saúde da população brasileira.

Dos itens relacionados quais são verdadeiros?




Questão 8

O Controle Integrado da Malária, que envolve ações de controle dessa endemia em todos os níveis de atenção à saúde, precisa contar com profissionais de saúde bem capacitados. As Unidades Básicas de Saúde, as Equipes de Saúde da Família, os Agentes Comunitários de Saúde e os Agentes de Controle de Endemias, cada um dentro das suas competências, precisam estar qualificados para:

l - identificar casos suspeitos de malária;
lI - realizar ou providenciar a realização do diagnóstico precoce;
lII - instituir o tratamento adequado e imediato e/ou acompanhá-lo;
lV - desenvolver ações educativas e de mobilização social que possam garantir as medidas de controle individuais e coletivas, com impacto na melhoria das situações identificadas.

(Fonte: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Políticas de Saúde. Fundação Nacional de Saúde. Ações de controle de endemias: malária: manual para agentes comunitários de saúde e agentes de controle de endemias / Ministério da Saúde, Secretaria de Políticas de Saúde, Fundação Nacional de Saúde. Brasília: Ministério da Saúde, 2002).

Lendo o texto, podemos concluir que é correto o que se afirma nos itens




Questão 9

Responda de acordo com a Constituição da República Federativa do Brasil, de 1988.

Leia as assertivas e marque a incorreta.




Questão 10

Deu entrada no Pronto Socorro Municipal de Belém um jovem, 28 anos de idade, com diagnóstico de dengue, cursando com febre, dores musculares, prostração e sangramento de membranas mucosas. Após o 4º dia da doença, o paciente começou a apresentar aumento dos níveis de hematócrito. O enfermeiro responsável pelo setor, preocupado com a evolução da doença para a forma grave, comunicou ao médico que o paciente estava apresentando os seguintes sinais de alarme, que geralmente precedem o choque:




Questão 11

Conforme as Diretrizes Operacionais dos Pactos pela Vida, em Defesa do SUS e de Gestão, do Ministério da Saúde, é considerada idosa a pessoa




Questão 12

Desde 2008, o Brasil é considerado o maior consumidor de agrotóxico do mundo. As quantidades arremessadas nas lavouras correspondem a cerca de 5,2 litros de veneno por habitante ao ano. No entanto, o Brasil representa apenas 5% da área agrícola entre os 20 maiores países produtores agrícolas do mundo, não justificando, portanto, o uso de tanto veneno na agricultura brasileira (www.brasildefato.com.br, 11/01/2013). Sobre os agrotóxicos, é correto afirmar que




Questão 13

Não se refere a uma doença transmissível:




Questão 14

O Secretário de Urbanismo da Cidade de Urucum, com o intuito de organizar a coleta dos resíduos sólidos domiciliares, determinou que a coleta fosse realizada no horário noturno. As donas de casa protestaram contra a ideia, argumentando que a coleta noturna apresenta as seguintes desvantagens:




Questão 15

A Leishmaniose é uma doença provocada pelo protozoário parasita Leishmania infantum, que pode ser transmitida tanto para animais quanto para pessoas. Considerada, portanto uma zoonose, por meio da picada da fêmea infectada do mosquito Lutzomyia longipalpis (mosquito-palha). Há dois tipos de leishmaniose: Leishmaniose tegumentar ou cutânea e a leishmaniose visceral ou calazar.
Analise as proposições abaixo e marque (V) para verdadeiro e (F) para falso.

( ) Leishmaniose visceral, ou Calazar, é uma doença transmitida pelo mosquito-palha ou birigui, que, ao picar, introduz na circulação do hospedeiro o protozoário Leishmania Chagasi.
( ) A doença não é contagiosa nem transmite diretamente de uma pessoa para outra, nem de um animal para outro, nem dos animais para as pessoas. A transmissão do parasita ocorre apenas através da picada do mosquito fêmea infectado.
( ) Na maioria dos casos, o período de incubação é de 6 a 10 meses, mas pode variar de 30 dias a 2 anos.
( ) A leishmaniose tegumentar é uma doença infecciosa, não contagiosa, transmitida por diversas espécies de protozoários do gênero Leishmania, que acometem o homem e provocam úlceras na pele e nas mucosas das vias aéreas superiores.
( ) O vetor, ou seja, o agente transmissor do protozoário, é o macho infectado do mosquito Lutzomyia, conhecido popularmente por mosquito-palha, birigui, tatuquira ou cangalha, um inseto bem pequeno que permanece com as asas levantadas durante o pouso.

A alternativa que representa a sequência CORRETA de respostas é:




Questão 16

Saneamento básico é o conjunto básico de medidas que preservam ou ajudam o meio ambiente, a fim de promover a saúde e prevenir doenças. Além de causar odores indesejados, ainda pode ocasionar em algumas doenças, tais como:




Questão 17

Responda de acordo com a Constituição da República Federativa do Brasil, de 1988.

Qual alternativa não é correta?




Questão 18

Sobre a febre amarela:

I- A febre amarela é uma arbovirose, sendo uma causa importante de morbidade e alta letalidade. Ocorre mais nas Américas do Sul e Central, além de alguns países da África.
II- A doença apresenta-se sob duas formas epidemiologicamente distintas: febre amarela silvestre e febre amarela urbana. As diferenças entre elas se referem à localização geográfica, espécie vetorial e tipo de hospedeiro.
III- A transmissão da febre amarela urbana é através da picada do mosquito Aedes aegypti. A prevenção deve ser feita evitando sua disseminação.
IV- Sendo uma vacina viva, alguns grupos etários precisam tomar precauções específicas, como as pessoas com 60 anos ou mais.
V- Em casos que evoluem para a cura, a infecção confere imunidade duradoura. Isso quer dizer que se tem febre amarela uma vez na vida.

A alternativa correta é:




Tempo de simulado:

Comentar Simulado