Simulado Médico Clínico Geral – Conhecimentos Específicos

Um Clínico Geral tem um conhecimento aprofundado dos órgãos, sistemas e aparelhos do corpo humano, faz diagnósticos, pede exames, prescreve medicamentos e realiza cirurgias. Está sob as responsabilidades de um Clínico Geral receber e acompanhar clientes em consultórios, hospitais, clínicas, empresas, residências e em locais de urgência, conversar com o paciente para ouvir sua história médica, queixas e descrição dos sintomas, etc. Veja e responda esse simulado com questões objetivas para o cargo.

Questão 1

Sobre a diarreia aguda em crianças, assinale a alternativa correta:

Questão 2

Analise as informações a seguir sobre a apresentação clínica da influenza em adultos:

I - Os fatores que determinam a gravidade da doença incluem fatores virais, como tipo de cepa e fatores do hospedeiro, como resposta imune e comorbidades crônicas.

II - A maioria dos adultos apresenta gripe não complicada (doença leve a moderada e autolimitada). Os sintomas comuns incluem febre alta, calafrios, mialgias e malestar. III - pessoas com menores risco de apresentar complicações da influenza incluem pessoas com idade ≥ 50 anos, pessoas com condições médicas crônicas ou imunocomprometidas, mulheres grávidas e pacientes com obesidade.

Está(ão) correto(s) o(s) item(ns):

Questão 3

Gestantes devem ser submetidas a uma avaliação de risco para tromboembolismo venoso (TEV) no início da gravidez. Caso sejam classificadas como pacientes de alto risco para TEV devem receber aconselhamento pré-gestacional e um plano de conduta prospectivo para tromboprofilaxia durante a gestação. Das alternativas a seguir, qual deve ser considerada opção de escolha para a tromboprofilaxia durante a gravidez?

Questão 4

Na abordagem dos traumas abdominais, é fundamental conhecer a anatomia externa e interna do abdome.

Sobre esse tema, assinale a alternativa correta:

Questão 5

Sobre a gastroenterite aguda, analise as informações a seguir:

I - A gastroenterite aguda se manifesta como uma doença diarreica de início rápido que dura menos de duas semanas e pode ser acompanhada por náuseas, vômitos, febre ou dor abdominal.

II - Os achados comuns no exame físico de pacientes com gastroenterite viral aguda incluem sensibilidade abdominal difusa leve à palpação; o abdômen é mole, mas pode haver proteção voluntária. Febre também pode ocorrer em alguns pacientes.

III - A gastroenterite viral aguda geralmente é autolimitada e tratada com medidas de suporte (repleção de líquidos e nutrição irrestrita). Não há agentes antivirais específicos disponíveis.

Está(ão) correto(s) o(s) item(ns):

Questão 6

Uma medicação para o tratamento de diabetes tipo 2 em estudos recentes tem diminuído os internamentos hospitalares por insuficiência cardíaca assim como a mortalidade por todas as causas nos diabéticos.
Qual alternativa apresenta essa medicação?

Questão 7

Em relação à Doença do Refluxo Gastresofágico (DRGE) e suas complicações, assinale a alternativa INCORRETA.

Questão 8

A síndrome de realimentação é uma condição potencialmente letal e leva a graves distúrbios de eletrólitos, minerais e metabólicos. Sobre essa condição, assinale a alternativa INCORRETA.

Questão 9

Paciente de 54 anos diagnosticado recentemente com infecção pelo vírus da imunodeficiência humana (HIV), ainda sem iniciar tratamento antirretroviral, apresenta nos exames laboratoriais iniciais contagem de linfócitos CD4 + menor que 100 células/mm3. Na avaliação, apresenta cefaleia que não cede a analgesia, diminuição da acuidade visual, febre aferida e períodos de confusão mental, intercalados com sonolência. Sintomas iniciaram há 1 semana. No exame físico, pápulas umbilicadas semelhantes a lesão cutânea de molusco contagioso. A principal hipótese diagnóstica é:

Questão 10

Conforme as normas éticas que regem a medicina, é vedado ao médico:

I - Oferecer ou aceitar remuneração ou vantagens por paciente encaminhado ou recebido, bem como por atendimentos não prestados.

II - Indicar o procedimento adequado ao paciente, observadas as práticas cientificamente reconhecidas e respeitada a legislação vigente.

III - Agenciar, aliciar ou desviar, por qualquer meio, para clínica particular ou instituições de qualquer natureza, paciente atendido pelo sistema público de saúde ou dele utilizar-se para a execução de procedimentos médicos em sua clínica privada como forma de obter vantagens pessoais.

IV - Usar formulários institucionais para atestar, prescrever e solicitar exames ou procedimentos fora da instituição a que pertençam tais formulários.

Estão corretos os itens:

Tempo de simulado:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *