Simulado Técnico em Patologia Clínica – Questões Objetivas

Patologia clínica ou medicina laboratorial é uma especialidade médica que tem por objetivo auxiliar os Médicos de diversas especialidades no diagnóstico. Suas atribuições são: auxiliar no acompanhamento clínico de estados de saúde e doença, através da análise de sangue, urina, fezes e outros fluidos orgânicos.
Preparamos este simulado com questões específicas que caíram em provas objetivas de Concursos. Responda e avalie seu nível de conhecimento na área.

Questão 1

Você trabalhando no laboratório de patologia clínica se depara com um preparo de soluções. Nesse caso, precisaria fazer uma solução de NaCl com volume de 2ml na concentração de 1,5M, porém você só possui uma solução de NaCl que consta no rótulo as seguintes informações: massa contida na solução: 585g, massa molecular: 58,5 g/mol e volume de 2L. Sabendo disso, qual o volume da solução inicial necessário para preparar a solução de NaCl a 1,5M?

Questão 2

Anticorpos que não atravessam a barreira placentária, são produtos da resposta imune primária, ativam o sistema complemento geralmente até C9, geralmente são chamados de anticorpos frios e reagem melhor entre 4 a 22oC. São características de qual tipo de anticorpo?

Questão 3

CTNBio (Comissão Técnica Nacional de Biossegurança) é responsável pela maioria das atribuições relativas ao estabelecimento de normas, análise de risco, acompanhamento, emissão de certificados de qualidade em biossegurança (CQB) para o desenvolvimento de atividades em laboratório nessa área, definição do nível de biossegurança e classificação dos OGM (organismos geneticamente modificados). Também caberá à comissão emitir parecer técnico prévio conclusivo sobre a biossegurança desses organismos e seus derivados nas atividades de pesquisa e uso comercial. As características físicas estruturais e de contenção de um laboratório determinam o tipo de microrganismo que pode ser manipulado em suas dependências. Com isso, marque alternativa correta que condiz com a classe de risco 2, para classificação do organismo segundo seu potencial patogênico.

Questão 4

Qual o nome do exame utilizado para identificar amostras biológicas com bactérias possivelmente resistentes aos medicamentos.

Questão 5

Dentre as alternativas a seguir, assinale aquela que menciona os testes laboratoriais para o diagnóstico de insuficiência renal crônica.

Questão 6

O método tintorial predominante utilizado em bacteriologia é o método de Gram. A bacterioscopia, após coloração pelo método de Gram com diagnóstico presuntivo, de triagem, ou até mesmo confirmatório em alguns casos, constitui peça importante e fundamental na erradicação e no controle das Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST). Essa técnica é simples, rápida e tem capacidade de resolução, permitindo o correto diagnóstico em cerca de 80% dos pacientes em caráter de pronto atendimento em nível local. Sobre a coloração de Gram marque a alternativa CORRETA:

Questão 7

Sobre a coleta do líquido cefalorraquidiano, sabe-s que devem ser coletados 3 tubos. Nesse contexto marque a alternativa que possui a ordem correta para análise dos tubos coletados.

Questão 8

Em geral, as soluções tampões, utilizadas nos testes laboratoriais, devem ter a seguinte característica:

Questão 9

Uma amostra de 125 mL de NaOH de concentração 15 g/L foi adicionada água suficiente para completar 300 mL. A concentração, em g/L, dessa nova solução é igual a:

Questão 10

Vários fatores interferentes são relatados na literatura, como o tempo de contato prolongado do soro ou plasma com as células, existência de hemólise em grau variado, hemoconcentrações causadas por evaporação, temperatura incorreta de armazenamento da amostra, transporte incorreto, uso incorreto de aditivos (anticoagulantes), etc. O reconhecimento e a gerência dessas variáveis permite o estabelecimento de um controle efetivo na redução do erro e, portanto, uma melhor aplicabilidade dos resultados dos exames do paciente. A separação do soro ou plasma das células sanguíneas deve ser realizada o mais rápido possível. Um tempo máximo de duas horas para essa separação deve ser seguido, a fim de evitar interferências nas dosagens dos analitos, EXCETO:

Tempo de simulado:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *