Página Inicial » Ensino Superior » Simulado Enfermeiro – Questões Objetivas

Simulado Enfermeiro – Questões Objetivas

O enfermeiro atua em clínicas, hospitais e outras instituições de saúde. Cabe ao enfermeiro em qualquer um de seus níveis de trabalho planejar, coordenar e supervisionar a assistência prestada por equipes de saúde, atuando em áreas administrativas, assistenciais e também gerenciais.
Preparamos este simulado com questões específicas que caíram em provas objetivas de Concursos. Responda e avalie seu nível de conhecimento na área.

Questão 1

A equipe da atenção básica do Riacho Doce, constituída pelo médico, enfermeira, Técnica de enfermagem e 01 Agente Comunitário de Saúde (ACS) realizou visita domiciliar a uma idosa, residente na área adstrita da UBS, 88 anos, acamada, diabética e hipertensa. A equipe avaliou a idosa e identificou a necessidade de cuidados imediatos de enfermagem e médicos e, portanto contaria com a ajuda da técnica de enfermagem para solucioná-los. A enfermeira da equipe esclareceu que o ACS, em sua área de abrangência, poderia também auxiliá-los realizando algumas atividades, haja vista à excepcionalidade do caso e por ter o mesmo concluído treinamento específico e está de posse dos equipamentos adequados para tal finalidade. Nesse contexto e com base na portaria nº Portaria Nº 2.436, de 21 de Setembro de 2017/Ministério da Saúde, o ACS poderá realizar




Questão 2

Mulher, 24 anos, queixando-se de náuseas, vômitos, atividade sexual ativa e suspeitando de gravidez, procurou o setor de pré-natal da unidade básica de saúde do seu bairro e durante a consulta de acolhimento pelo profissional de saúde informou que fazia uso irregular de contraceptivo oral e que apresentava atraso menstrual, com data da última menstruação maior do que 12 semanas. Neste caso, seguindo-se o fluxograma de pré-natal de baixo risco do Ministério da Saúde, a conduta adequada do profissional de saúde seria




Questão 3

A transição demográfica e epidemiológica tem conduzido o Brasil para um perfil de população idosa com superação das doenças infecciosas e predomínio relativo das condições crônicas. Assim, o envelhecimento da população brasileira está produzindo demandas que requerem respostas das políticas sociais e de saúde envolvendo o Estado e a sociedade.
Sobre o idoso no país e seu processo de saúde-doença, analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa correta.

I. Ao idoso internado, ou em observação, é assegurado o amplo direito a acompanhante, sob qualquer circunstância, devendo o órgão de saúde proporcionar as condições adequadas para a sua permanência em tempo integral.
II. As mudanças na composição das famílias brasileiras, no papel da mulher no mercado de trabalho e na queda da taxa de fecundidade resultam em novos desafios a serem enfrentados no cuidado à população idosa.
III. A pessoa idosa apresenta profundas particularidades biopsicossociais que a diferenciam da população adulta; até mesmo dentro da faixa etária há heterogeneidade no processo de envelhecimento.
IV. Mesmo que o idoso esteja no domínio de suas faculdades mentais, deverá submeter a sua decisão à aprovação de familiares acerca do tratamento de saúde que lhe for reputado mais favorável.




Questão 4

A mensuração da qualidade da assistência de enfermagem e dos custos nas instituições de saúde por meio da avaliação dos registros dos prontuários dos pacientes constitui-se em uma atividade do(a) enfermeiro(a), prevista na Resolução COFEN n. 266/2001. A correta denominação dessa função é:




Questão 5

Idoso, 82 anos, internado no Hospital Paulo Costa, com febre (T-39ºC), desidratação, abdome distendido, vômito e urgência urinária. Durante a anamnese e exame físico, a enfermeira da clínica registrou que o idoso deambulava com ajuda, apresentava redução na frequência normal de evacuação com eliminação de fezes excessivamente duras e secas há duas semanas, dor à evacuação e higiene íntima precária. O exame de urina constatou infecção urinária. Para a elaboração do plano de cuidados, a enfermeira elegeu dois problemas de enfermagem, urgência urinária e redução na frequência normal de evacuação, equivalentes aos seguintes diagnósticos de enfermagem, respectivamente:




Questão 6

A nova campanha de amamentação do Ministério da Saúde, lançada no mês de julho de 2018 reforça a importância do leite materno para o desenvolvimento saudável das crianças até dois anos de idade pois ainda reduz em 13% a mortalidade por causas evitáveis em crianças menores de cinco anos. Segundo OMS e UNICEF, cerca de seis milhões de crianças são salvas a cada ano com o aumento de taxas da amamentação exclusiva até o sexto mês de vida.

(http://portalms.saude.gov.br/noticias/agencia-saude/43891-ministerio-da-saude-lanca-nova-campanha-deamamentacao).

Sobre o aleitamento materno é correto afirmar que




Questão 7

Homem de 23 anos está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) sob ventilação mecânica em pressão controlada e em uso de Fentanil e Midazolan, em infusão contínua, a 5 ml/h. Diante do caso, quais são as escalas mais apropriadas para monitorar o nível de sedação?




Questão 8

Sobre a insuficiência renal crônica (IRC), analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa correta.

I. A taxa de filtração glomerular (TFG) reduzida estimula o eixo renina-angiotensina e provoca um aumento da secreção de aldosterona, elevando a pressão arterial.
II. As infecções urinárias de repetição e o uso de anti-inflamatórios não esteroidais são as duas causas mais frequentes de IRC.
III. Hipocalemia, acidose, hipermagnesemia e hipercalcemia são os distúrbios hidroeletrolíticos e acidobásicos mais frequentes na IRC.
IV. Dentre os cuidados com um paciente que tem fístula arteriovenosa (FAV), destacam-se evitar garroteamento do membro e evitar punções no membro onde está a FAV.
V. Entre as atribuições do(a) enfermeiro(a) junto à pessoa com IRC em sessão de hemodiálise, destacam-se monitoração contínua, detecção de anormalidades e uma rápida e eficiente intervenção na ocorrência de complicações.




Questão 9

Por meio da Portaria MS nº 2.436/2017, o Ministério da Saúde aprovou a Política Nacional de Atenção Básica (PNAB) com vistas à revisão da regulamentação de implantação e operacionalização vigentes, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS), estabelecendo-se as diretrizes para a organização do componente atenção básica na Rede de Atenção à Saúde (RAS). De acordo com essa portaria analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa correta.

I. A atenção básica é a principal porta de entrada e centro de comunicação da RAS, coordenadora do cuidado e ordenadora das ações e serviços disponibilizados na rede.
II. A PNAB tem na saúde da família sua estratégia prioritária, considerada a única opção de modelo para expansão e consolidação da atenção básica.
III. Os Agentes Comunitários da Saúde (ACS) são essenciais na composição da equipe de atenção básica, sendo recomendadas até 750 pessoas por ACS em áreas de grande dispersão territorial, risco e vulnerabilidade social.
IV. São atribuições específicas do(a) enfermeiro(a) na atenção básica a realização de consultas de enfermagem, procedimentos, solicitação de exames complementares, prescrição de medicações conforme protocolos, diretrizes clínicas e terapêuticas ou outras normativas técnicas, observadas as disposições legais da profissão.
V. Na organização do processo de trabalho da atenção básica, é possível, de acordo com a necessidade e conformação do território, através de pactuação e negociação entre gestão e equipes, que o usuário seja atendido fora de sua área de cobertura, mantendo o diálogo e a informação com a equipe de referência.




Questão 10

Uma mulher é admitida na unidade obstétrica com 30 semanas de gestação, com início repentino de sangramento vaginal de cor vermelha brilhante. Seu útero está macio e numa escala de dor de 0 a 10, relata 0. O batimento cardíaco fetal é de 140 batimentos/minuto. O(A) enfermeiro(a) identifica corretamente que esses achados de avaliação estão relacionados à/ao:




Tempo de simulado:

Comentar Simulado