Página Inicial » Simulado de Concurso » Simulado concurso de Nova Serrana-MG

Simulado concurso de Nova Serrana-MG

A Prefeitura Municipal de Nova Serrana, Minas Gerais, está promovendo o Concurso Público n.º 01/2019, para o preenchimento de 391 vagas, em cargos de níveis médio/técnico e superior.

Para os candidatos do certame, preparamos esse simulado com questões de provas objetivas anteriores da banca organizadora, a Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa – FUNDEP.

Leia o texto a seguir para responder às questões de 1 a 4.

A ilusão das redes sociais

É indiscutível o importante papel que as redes sociais desempenham hoje nos rumos de nossa vida política e privada. São indiscutíveis também os avanços que introduziram nas comunicações, favorecendo o reencontro e a aproximação entre as pessoas e, se forem redes profissionais, facilitando a visibilidade e a circulação de pessoas e produtos no mercado de trabalho.

A velocidade com que elas veiculam notícias, a extensão territorial alcançada e a imensa quantidade de pessoas que atingem simultaneamente não eram presumíveis cerca de uma década atrás, nem mesmo pelos seus criadores. Temos sido testemunhas, e também alvo, do seu poder de convocação e mobilização, assim como da sua eficiência em estabelecer interesses comuns rapidamente, a ponto de atuarem como disparadoras das várias manifestações e movimentos populares em todo o mundo atual.

Portanto, não podemos sequer supor que elas tragam somente meras mudanças de costumes, porque seu peso, associado ao desenvolvimento da informática, é semelhante à introdução da imprensa, da máquina a vapor ou da industrialização na dinâmica do nosso mundo. As redes sociais provocam mudanças de fundo no modo como as nossas relações ocorrem, intervindo significativamente no nosso comportamento social e político. Isso merece a nossa atenção, pois acredito que uma característica das redes sociais é, por mais contraditório que pareça, a implantação do isolamento como padrão para as relações humanas.

Ao participar das redes sociais acreditamos ter muitos amigos à nossa volta, sermos populares, estarmos ligados a todos os acontecimentos e participando efetivamente de tudo. Isso é uma verdade, mas também uma ilusão, porque essas conexões são superficiais e instáveis. Os contatos se formam e se desfazem com imensa rapidez; os vínculos estabelecidos são voláteis e atrelados a interesses momentâneos.

Além disso, as relações cultivadas nas redes sociais se baseiam na virtualidade, portanto, no distanciamento físico entre as pessoas. Isso nos permite, com facilidade, entrar em contato com as pessoas e afastá-las quando bem quisermos. Tal virtualidade garante comunicação sem intimidade. [...]

Quando Hannah Arendt, pensadora contemporânea da política, analisou os totalitarismos do século passado, apontou para o projeto desses sistemas de tornarem os homens supérfluos. Para tanto, entre outros expedientes, mantinham as pessoas isoladas umas das outras.

Separavam-nasdeseusfamiliares,desuascomunidades, inclusive das pessoas com quem coabitavam nos galpões dos campos de concentração, instaurando entre elas a suspeita e o medo de delações. Isolavam classes sociais promovendo contendas e animosidades entre elas. Isolavam as pessoas do seu próprio eu, exaurindoas com trabalho e mantendo-as doentes e famintas.

O isolamento torna os indivíduos manipuláveis e controláveis, como coisas. Os sistemas totalitários sabem muito bem que, isolados, os homens perdem a capacidade de se expor e de agir.

Na nossa atualidade o isolamento tem um perfil diferente, porque é mais voltado para a intensificação do individualismo, cujos interesses afastam-se a cada vez mais das questões sociais. As recentes manifestações populares embora devam sua ocorrência às redes sociais, mantêm o caráter do individualismo e do isolamento, pois os participantes não criam vínculos entre si. Expressam suas opiniões, caminham juntos, mas é só isso.

Arendt tem por pressuposto de suas análises a condição humana da pluralidade, ou seja, o fato de vivermos entre homens e jamais chegarmos a ser nem um ser humano nem mesmo os indivíduos que somos longe da companhia dos outros. Os outros, tanto quanto o ambiente em que vivemos, nos constituem, daí que, se o distanciamento interpessoal for se estabelecendo como nova condição de existência, nossa própria humanidade poderá sofrer o impacto de uma mutação. [...]

Disponível em: . Acesso em: 10 jan. 2019

Questão 1LÍNGUA PORTUGUESA - Leia o trecho a seguir.

“[...] acredito que uma característica das redes sociais é, por mais contraditório que pareça, a implantação
do isolamento como padrão para as relações humanas.”

A ideia expressa nesse trecho está contida em todos os trechos a seguir, exceto em:

Questão 2A ideia central do texto está corretamente expressa em:

Questão 3“Os contatos se formam e se desfazem com imensa rapidez; os vínculos estabelecidos são voláteis e atrelados a interesses momentâneos.”

O termo destacado no trecho anterior tem sentido semelhante ao da seguinte palavra em destaque, considerando o texto.

Questão 4“Os sistemas totalitários sabem muito bem que, isolados, os homens perdem a capacidade de se expor e de agir.

Na nossa atualidade o isolamento tem um perfil diferente, porque é mais voltado para a intensificação do individualismo, cujos interesses afastam-se a cada vez mais das questões sociais.”

Analise as afirmativas a seguir, a respeito da construção argumentativa do trecho anterior.

I. A autora aproxima a realidade histórica dos sistemas totalitários à atualidade, mostrando como as estratégias de isolamento do indivíduo operam nesses dois contextos.

II. A autora compara o isolamento causado pelos regimes totalitários ao isolamento causado pelas redes sociais, mostrando como ambos resultam em uma alienação do indivíduo das questões coletivas e sociais.

III. A autora opõe o isolamento dos regimes totalitários ao isolamento causado pelas redes sociais na atualidade, utilizando a contra-argumentação para expor ao leitor seu ponto de vista.

Está correto o que se afirma em

Questão 5Observe a tirinha abaixo:

É correto afirmar que a principal crítica realizada pela tirinha está centrada no(a)

Questão 6MATEMÁTICA E RACIOCÍNIO LÓGICO - Dois artesãos, em cinco dias de trabalho, produzem 60 colares.
Quantos colares três artesãos produzirão em dois dias?

Questão 7Observe a tabela a seguir.


Fazendo uma operação aritmética com os dois números de cada linha ou coluna, obtém-se como resultado o terceiro número.

Qual é o número que substitui corretamente a interrogação na tabela?

Questão 8O gráfico a seguir apresenta os resultados de uma pesquisa realizada com estudantes do Ensino Médio de uma escola quanto à preferência por algumas disciplinas da grade curricular obrigatória.


Com base nas informações apresentadas no gráfico, o número de estudantes entrevistados é

Questão 9A bilheteria de um teatro arrecadou R$ 3 792,00 vendendo todos os ingressos disponíveis de uma peça teatral. O preço do ingresso era R$ 48,00. Os estudantes pagavam metade desse valor pelo ingresso.

Se 120 pessoas assistiram a essa peça, o número de estudantes presentes no teatro era de

Questão 10Elisa trabalha como digitadora de textos. Para digitar 152 páginas, ela recebeu R$ 760,00. Na próxima semana ela digitará um trabalho com 250 páginas. Quanto ela receberá por esse serviço?

Questão 11ATUALIDADES - Recentemente, o Facebook anunciou mudanças [...] no WhatsApp [...]. O aplicativo de mensagens instantâneas passou a alertar quando uma mensagem é encaminhada de outro usuário, para que as pessoas saibam que ela pode se tratar de uma corrente de informação, estratégia comum das campanhas eleitorais.

O TEMPO. Contra desinformação, Facebook lança botão de contexto no Brasil. 13 out. 2018. p 12.


A fim de atuar contra a disseminação de notícias falsas (fake news), o WhatsApp passou a exibir em algumas mensagens trocadas por usuários a expressão “encaminhada”. Com essa medida o aplicativo informa que a mensagem:

Questão 12Leia os textos a seguir.
TEXTO I “[...] Lei nº 13 721/2018 [...] estabelece que vítimas de violência doméstica ou familiar terão prioridade [...] ao realizar exame de corpo de delito no IML. O atendimento prioritário se estende a mulheres, crianças, adolescentes, pessoas com deficiência e idosos.”

TEXTO II “Eu estava com três crianças e, antes da Lei Maria da Penha, eu ia para a delegacia e passava a noite lá. Então, para eu ir para o IML, e ficar até o outro dia, esperar o dia amanhecer, eu preferia voltar para casa, pois as crianças poderiam estar chorando, com fome. [...].”

O TEMPO. Vítima de violência doméstica tem prioridade em exames no IML. 6 out. 2018. p. 19.


A contraposição permite afirmar que

Questão 13"O Conselho Estadual do Patrimônio Cultural (Conep) aprovou o Registro dos Saberes, Linguagens e Expressões Musicais da Viola em Minas Gerais como patrimônio cultural imaterial."

Por patrimônio cultural imaterial, compreende-se:

Questão 14“Dos brasileiros entrevistados [...], 85% demonstraram preocupação com a veracidade e com a possibilidade de manipulação nas notícias que são lidas. [...] Quando olhamos para o resultado do nosso estudo, descobrimos que, quando consumidores falam sobre fake news, eles estão preocupados também com o mau jornalismo e práticas de caça de cliques [...]”.

Brasileiros se preocupam mais com notícias falsas. O Tempo, 17/06/2018. p. 16.


A expressão fake news está se tornando usual no mundo todo, e no Brasil atual estudos apontam que essas notícias têm maior poder de circulação

Comentar Simulado